Porque Usar um Framework PHP?

Posted on: January 07, 2021 04:26 PM

Posted by: Renato

Categories: Laravel PHP OUTROS Variados

Views: 37

Você usa algum framework para desenvolver? Não? Sabe o que pode estar perdendo?

PHP é a linguagem de programação mais famosa do mundo por várias razões:

  • É gratuito;
  • Não há licenciamentos restritivos;
  • Os custos de um servidor são muito reduzidos;
  • Possui atualizações consistentes;
  • Se integra a quase todos os bancos de dados usados na atualidade;
  • É muito fácil de aprender
  • Existe um grande banco de classes e funções prontas para uso;
  • Vários outros fatores.

O que é um Framework?

Frameworks cuidam de funções comuns, como gestão de membros, suporte à administração, buscas, gestão de conteúdo, etc. Ele permite que os programadores fiquem livres para focar no desenvolvimento do site, em vez de reinventar a roda com funções e objetos já existentes.

De grosso modo, framework nada mais é do que um conjunto de código que serve para facilitar o desenvolvimento de funcionalidades genéricas. Tarefas do dia-a-dia como fazer uma simples consulta no banco de dados (independente do SGBD - Sistema Gerenciador de Banco de Dados) passam a se tornar coisas simples de implementar, possibilitando nosso foco em deveres mais complexos e que realmente necessitam de mais atenção.

Atualmente, Laravel, Symfony, Nette, Yii, CodeIgniter, CakePHP e o Zend Framework estão entre os frameworks mais populares.

A maioria dos frameworks trabalha com um padrão principal: o MVC (Model View Controller)

Vantagens de se usar um framework

- Padronização: uma das grandes vantagens de um framework é a padronização do desenvolvimento. Por termos um conjunto já definido de classes e/ou funções, somos "forçados" a trabalhar conforme a ferramenta de escolha.

- Velocidade de desenvolvimento: por fazermos uso de módulos genéricos economizamos tempo por não ter que ficar "reinventando a roda" em cada projeto.

- Qualidade: os principais frameworks do mercado são muito bem testados em versões alfa, beta e release candidate (RC) além de serem mantidos por comunidades e/ou empresas experientes.

- Manutenção: por seguirmos um padrão e termos código de alta qualidade, ganhamos na facilidade de manutenção, uma vez que sabemos onde encontrar o que precisamos.

- Comunidade: excelente meio de aprendizado onde podemos obter ajuda e ganhar experiência não só com a ferramenta e a linguagem mas com a cultura e forma de pensar.

- Segurança: sem dúvidas é um dos quesitos que preocupa muita gente (e com razão) e que é um fator muito considerado para lançamentos de patches e atualização nos frameworks mais conhecidos.

Quando usar ou não usar um Framework de PHP?

Eu recomendo!

Qualidade e Padrão

Os frameworks nos trazem as melhores práticas de desenvolvimento, sendo que seus padrões, normalmente, usam as melhores práticas da linguagem.

Segurança

É um dos itens que mais preocupa, já que pode causar grande prejuízos dentro de um sistema, desde uma impressão de logs de erros até um formulário mal validado, que aceita SQL Injection. A maioria destes erros podem ser evitados facilmente usando um framework, pois ele já traz configurações de segurança predefinidas.

E mais: quando alguém encontra uma falha, uma nova atualização é liberada para corrigir o erro, sem precisar alterar sua aplicação, bastando apenas atualizar o core.

Produtividade

Se você tem um prazo apertado para entregar um projeto, utilizar um framework que você conheça irá ajudar muito. Muita coisa que você teria que fazer já vem implementada no framework e não demora muito para implantar.

Por exemplo, em frameworks como Zend e Laravel o sistema de login já vem pronto, basta configurar alguns poucos itens, mas se você fosse fazer do zero teria várias preocupações como montar o formulário, validar, aplicar segurança para evitar invasões, etc.

Eu não recomendo!

Desenvolvedor Iniciante

Eu não recomendo, de maneira alguma, alguém que está iniciando na programação começar logo de cara com um framework. Mas por quê? Porque seu conhecimento acaba se tornando limitado e restrito ao framework, e você acaba por não conseguir “pensar fora da caixinha”.

Seu nível de conhecimento nunca deve ser restrito a uma linguagem e nem a uma ferramenta. Além disto, o ideal é ter um bom domínio prévio em Programação Orientada a Objetos.

Projetos Pequenos

Um projeto pequeno deve requerer o mínimo de esforço. Imagine um site institucional de uma dedetizadora. Neste site haverá sete páginas estáticas, sendo que uma delas é um formulário de contato através do site. Você até pode usar um framework pra fazer este site, mas, é aquela famosa frase: “matar uma formiga com um elefante”.

Principais frameworks PHP no mercado

Podemos classificar os principais frameworks PHP disponíveis no mercado em duas categorias:

  • Os frameworks back-end, que oferecem recursos como lógicas para login, sessão, compactação de imagens e conexão a gerenciadores de banco de dados, entre outros. Exemplos:
    • CodeIgniter;
    • Laravel;
    • Zend Framework;
    • Cake PHP.
  • Os frameworks front-end, que oferecem recursos mais voltados para a camada de exibição das aplicações. Exemplos:
    • Bootstrap;
    • Foundation;
    • Materialize CSS.

Alguns Frameworks Interessantes a Serem Avaliados

Zend Framework

Um framework PHP bem completo. É uma super ferramenta. Posso dizer que ele tem “quase tudo”, sem contar que é utilizado por muitíssimas empresas, devido à sua estabilidade. O Zend é o framework mais famoso, hoje em dia, pois é robusto e permite a criação de aplicações enterprise (de grande porte). Mas, seu uso exige um conhecimento vasto do PHP.

Veja a documentação do Zend Framework aqui

CodeIgniter

Já o CodeIgniter é bastante conhecido pela sua facilidade de uso, performance e rapidez. É ideal para aplicações de pequeno porte. Ele oferece soluções simples e fáceis, com um grande número de tutoriais em vídeo, fóruns e wikis.

Veja a documentação do CodeIgniter aqui

CodeIgniter foi criado por EllisLab, e agora é um projeto do British Columbia Institute of Technology. A BCIT é um instituto de tecnologia aplicada, altamente conceituado, que conta com mais de 48.000 estudantes de tempo integral e parcial.

Em resumo, agora o CodeIgniter já tem um novo lar, é administrado por novas pessoas e, como esperado, promete evoluir e se desenvolver, trazendo novidades e facilidades. Assim, ele irá continuar sendo um dos melhores frameworks PHP. Eu, pessoalmente, recomendo o CodeIgniter.

Minha vida de programador mudou depois que eu comecei a usá-lo. 🙂
Descubra aqui como ser um desenvolvedor web de sucesso

CakePHP

Este é um frame bem completo (não como o Zend), e uma ótima opção para iniciantes e desenvolvedores avançados. Ele foi criado usando as bases e modelos do Ruby on Rails, e é bastante focado no desenvolvimento ágil e rápido. Atualmente, ele tem se tornado muito famoso por sua simplicidade e facilidade de uso.

Veja a documentação do CakePHP aqui

Laravel

Gosta de código bonito? Quem utiliza Laravel também gosta! Como o próprio slogan diz: “O framework PHP para artesões da web”. Ele oferece uma excelente comunidade e ganha no quesito “framework mais popular”.

O Laravel tira a monotonia do desenvolvimento web. Ele fornece todas as ferramentas necessárias para que você possa começar programando o que for necessário, pois foi construído para ser simples e fácil de aprender.

Possui uma equipe de desenvolvedores ativa e extremamente competente, além de ter uma gigantesca comunidade e bastante aceitação no mercado.

Veja a documentação do Laravel aqui

Frameworks, API’s e bibliotecas

Esses três termos são, por vezes, utilizados como sinônimos e é compreensível que isso ocorra. Afinal, todos eles apontam para uma mesma ideia final: a de evitar que um desenvolvedor reinvente a roda, preferindo recorrer a soluções já desenvolvidas.

Por outro lado, em outros contextos, mais específicos e técnicos, convém diferenciar um do outro.

Biblioteca é um conjunto previamente codificado de funcionalidades, normalmente de uso genérico e frequente.

Utilizar funcionalidades de uma biblioteca elimina a necessidade de reescrever código e estabelece uma padronização de comportamentos da aplicação.

Um exemplo típico de funcionalidade de uma biblioteca, entre tantos, seria a função que exibe mensagens na tela para o usuário.

A API (Aplication Programming Interface) já é uma solução fechada e para uma finalidade específica.

Por exemplo, uma API do Google Maps pode fornecer informações sobre localização geográfica.

Por sua vez, o framework é um conjunto de padrões adotados para agilizar a construção de aplicações. Bibliotecas e API’s podem fazer parte de um framework.

List Of Top PHP Frameworks You Can Use In 2020

Interesse ao longo do tempo
Todo o mundo. Últimos 12 meses. Pesquisa Google na Web.
 
laravel
 
Symfony
 
CodeIgniter
 
CakePHP
 
Zend
Média
x1 laravel Symfony CodeIgniter CakePHP Zend
Média 79 14 11 3 2
 
‪12 de jan. de…‪26 de jul. de 2020‬255075100
x y1 y2 y3 y4 y5
‪12 de jan. de 2020‬ 82 17 15 3 3
‪19 de jan. de 2020‬ 87 18 14 4 2
‪26 de jan. de 2020‬ 84 15 14 4 3
‪2 de fev. de 2020‬ 85 17 16 3 2
‪9 de fev. de 2020‬ 90 17 15 3 3
‪16 de fev. de 2020‬ 95 20 17 4 3
‪23 de fev. de 2020‬ 91 18 17 4 2
‪1 de mar. de 2020‬ 100 18 16 4 3
‪8 de mar. de 2020‬ 91 16 14 4 2
‪15 de mar. de 2020‬ 84 14 13 3 2
‪22 de mar. de 2020‬ 77 16 11 3 3
‪29 de mar. de 2020‬ 76 14 11 3 2
‪5 de abr. de 2020‬ 78 15 11 3 3
‪12 de abr. de 2020‬ 82 14 12 3 2
‪19 de abr. de 2020‬ 80 15 11 4 3
‪26 de abr. de 2020‬ 76 16 10 2 3
‪3 de mai. de 2020‬ 79 17 10 2 2
‪10 de mai. de 2020‬ 81 14 11 3 3
‪17 de mai. de 2020‬ 78 14 10 2 2
‪24 de mai. de 2020‬ 80 14 10 3 2
‪31 de mai. de 2020‬ 81 14 13 3 3
‪7 de jun. de 2020‬ 86 14 12 2 3
‪14 de jun. de 2020‬ 89 16 12 3 2
‪21 de jun. de 2020‬ 86 16 12 3 2
‪28 de jun. de 2020‬ 89 16 13 3 3
‪5 de jul. de 2020‬ 90 14 13 3 3
‪12 de jul. de 2020‬ 92 15 11 3 2
‪19 de jul. de 2020‬ 92 16 14 3 2
‪26 de jul. de 2020‬ 86 15 12 3 2
‪2 de ago. de 2020‬ 81 14 11 3 2
‪9 de ago. de 2020‬ 89 13 12 2 2
‪16 de ago. de 2020‬ 87 13 11 3 2
‪23 de ago. de 2020‬ 85 13 12 3 2
‪30 de ago. de 2020‬ 88 14 12 3 2
‪6 de set. de 2020‬ 92 16 12 3 2
‪13 de set. de 2020‬ 86 14 11 3 2
‪20 de set. de 2020‬ 88 15 10 2 2
‪27 de set. de 2020‬ 75 13 10 2 2
‪4 de out. de 2020‬ 73 13 10 3 2
‪11 de out. de 2020‬ 68 11 10 2 2
‪18 de out. de 2020‬ 60 10 9 2 1
‪25 de out. de 2020‬ 64 9 8 2 2
‪1 de nov. de 2020‬ 57 8 9 2 1
‪8 de nov. de 2020‬ 62 9 9 1 2
‪15 de nov. de 2020‬ 60 10 9 1 2
‪22 de nov. de 2020‬ 60 10 8 2 2
‪29 de nov. de 2020‬ 64 11 9 2 2
‪6 de dez. de 2020‬ 60 10 9 2 1
‪13 de dez. de 2020‬ 59 10 8 2 2
‪20 de dez. de 2020‬ 57 8 8 2 2
‪27 de dez. de 2020‬ 50 6 7 1 1
‪3 de jan. de 2021‬ 52 9 8 3 1
 
 
 
 
 
 
 
Share
About Author

Renato

Developer

Add a Comment
Comments 0 Comments

No comments yet! Be the first to comment